Retrô, muito leve e rápido: eis o Alpine A110

Motorpress
Da Redação, em São Paulo (SP)
07/03/2017 18:59

Finalmente chegou a hora de conhecermos em detalhes o Alpine A110. A Renault alimentou nossas expectativas quanto à ressureisção da marca esportiva francesa e nesta terça-feira (7) apresentou o modelo, cujo nome oficial é A110 Berlinette, ao público no Salão de Genebra, que acontece na Suíça.

Visual do A110 faz bastante referência ao seu "pai espiritual"

Conforme adiantamos anteriormente pela foto oficial do carro divulgado pela Renault, o visual do A110 segue de perto o estudo Vision mostrado no ano passado. O design é inspirado diretamente o icônico A110 da década de 1960, marcado pelo conjunto óptico circular na frente e caimento suavizado da silhueta atrás. As lanternas ficam na extremidade do carro e são pequenas e afiladas, dando um toque charmoso e delicado ao esportivo de vibe "retrô". 

A plataforma do novo A110 é toda composta por alumínio, assim como a lataria do carro. O material entrega leveza e rigidez ao conjunto ao mesmo tempo. Segundo a fabricante, o esportivo pesa apenas 1.080 kg. Considerando os 250 cv extraídos do motor 1.8 turbo de quatro cilindros (com 32,6 kgfm de torque), temos uma relação entre peso e potência de ótimos 4,3 kg/cv. Essas credenciais o fazem acelerar de 0 a 100 km/h em 4s5, com velocidade máxima de 250 km/h (limitada eletronicamente). 

Plataforma do A110 é feita toda de alumínio

Acoplado ao motor, o A110 traz um câmbio automatizado de dupla embreagem de sete velocidades, desenvolvido exclusivamente para ele. Há três opções de modos de condução (normal, sport e track) que alteram os comportamentos do motor, câmbio, direção, sistema de exaustão e dos controles de estabilidade e de tração. 

Estrutura leve resulta numa relação de 4,3 kg/cv

Outro destaque do A110 é a sua aerodinâmica. Com recursos como assoalho totalmente plano e difusor de ar traseiro, o modelo possui um dos coeficientes de arrasto mais baixos do segmento de esportivos de sua categoria (0.32 cx). 

Design contribui para ótima aerodinâmica

A estrutua leve do A110 não depende só do chassi e carroceira. A suspensão -- de triângulos superpostos na frente e atrás -- também é feita com materiais mais leves e as pinças de freio são de alumínio, desenvolvidas pela Brembo. As rodas de 18'' também são de alumínio forjado e os engenheiros economizaram em peso até com o freio de estacionamento, adotando um atuador integrado à pinça de freio traseira para fazer esta função (o que reduziu em 2,5 kg o peso do carro). 

A Alpine vai fabricar 1.955 unidades do A110 na edição especial Premiere que já está praticamente toda vendida. As entregas começam no final do ano.