Hyundai HB20X é companheiro de viagem; assista

HECTOR VIEIRA
Da Redação, em Santo André (SP)
11/12/2015 10:00
HYUNDAI HB20X 2016
HYUNDAI HB20X 2016
HYUNDAI HB20X 2016
HYUNDAI HB20X 2016
HYUNDAI HB20X 2016
HYUNDAI HB20X 2016
HYUNDAI HB20X 2016
HYUNDAI HB20X 2016
HYUNDAI HB20X 2016
HYUNDAI HB20X 2016
HYUNDAI HB20X 2016
HYUNDAI HB20X 2016
HYUNDAI HB20X 2016

As versões aventureiras dos carros compactos são projetadas para um público que gosta de sair da rotina estressante de trabalho sempre que possível. Aproveitando o lançamento do reestilizado Hyundai HB20X, decidimos conferir uma dica de passeio histórico – e aventureiro – em um dos locais mais charmosos nas proximidades da Grande São Paulo.


Entenda como funciona o Best Cars e o concurso
HB20X será sorteado entre os votantes

Trata-se do distrito de Paranapiacaba, em Santo André (SP). Situado cerca de 50 km da capital paulista, ali foi o local escolhido para receber a primeira estação ferroviária do estado, em 1867. Naquela época, dezenas de britânicos imigrantes se instalaram na região para conduzir as obras, juntamente com a mão-de-obra local.

Hyundai HB20X é um bom companheiro de aventuras
A influência inglesa de Paranapiacaba foi muito absorvida e é preservada até hoje. Logo na entrada da vila já dá para ver a torre do relógio da estação, que faz alusão ao famoso Big Ben de Londres. No centro, todas as casas têm arquitetura que remetem ao estilo vitoriano, comum naquela época no Reino Unido.

Outra característica marcante do lugar é o denso nevoeiro que cobre a paisagem constantemente. Há momentos em que fica difícil até enxergar 30 metros à frente, mesmo quando não é inverno, o que acrescenta um toque de charme para quem gosta de fotografar.

Roupagem aventureira veste itens como a carroceria mais elevada
Atualmente, as duas principais atrações turísticas da vila são o Museu do Sistema Funicular e o Museu Castelo. O primeiro localiza-se junto da estação ferroviária. Lá os visitantes podem ver vagões da São Paulo Railway Company que foram utilizados há mais de 140 anos para transportar personalidades como o imperador D. Pedro II. Para as crianças, há passeios de maria-fumaça nos fins de semana.

Saba mais sobre o carro e a visita a Paranapiacaba:

O Museu Castelo é, na verdade, a residência preservada de Frederic Mens, engenheiro-chefe das obras da estação. A casa fica num ponto estratégico de Paranapiacaba, ao alto, que facilitava o controle de Mens sobre os operários. Hoje ela funciona como um acervo de móveis, fotos e documentos antigos.

Se o gosto por aventuras falar mais alto, a vila oferece cinco opções de trilhas para os visitantes. As duas mais visitadas são a da Pontinha e a do Mirante. Ambas têm cerca de 1 km de extensão e podem ser percorridas em aproximadamente uma hora. Enquanto a primeira tem o atrativo das piscinas naturais do Rio Grande, a segunda termina no mirante de onde é possível apreciar a bela paisagem da Baixada Santista.

Não é porque é aventureiro que tem de ser tosco também
COMO CHEGAR
Para chegar a Paranapiacaba de carro, o mais indicado é seguir pela rodovia Anchieta até a Estrada Velha de Santos (sentido Ribeirão Pires) e depois acessar as rodovias Índio Tibiriçá (até o km 45,5) e Dep. Antonio Adib Chamas. Para entrar pela parte baixa da vila (onde estão os pontos turísticos mencionados) é preciso tomar uma estrada de terra.
Se você estiver a bordo de um modelo como o novo HB20X, que é 10 mm mais alto do que o anterior e tem pneus de uso misto, não terá motivo para preocupações.

De quebra, o motor 1.6 de 128 cv acoplado ao novo câmbio automático de seis marchas garante bom desempenho nos trechos asfaltados, aliado à economia de combustível.

Tem mais: como contamos com a versão Premium, a mais sofisticada da linha, ainda tivemos à disposição bancos de couro e central multimídia Bluemedia (ambos opcionais), que aumentaram o conforto para os ocupantes. Afinal, quem disse que um automóvel destinado a aventuras tem de ser rústico ou despojado?

Reportagem completa na CARRO #266

Versões Relacionadas