Grupo PSA investe US$ 320 milhões na Argentina

Motorpress
Da Redação, em São Paulo (SP)
16/03/2017 16:23

O Grupo PSA divulgou a transformação industrial do seu Centro de Produção de Palomar, na Argentina, nesta quinta-feira (16). Ao total, serão investidos US$ 320 milhões que visam um crescimento rentável, o lançamento de diversos veículos no Mercosul, volumes de vendas duplicados fora do Mercosul, além de um programa agressivo de integração local e lucros multiplicados por três.

Presidente Mauricio Macri acompanhou o anúncio na fábrica de Palomar

A CARRO já havia divulgado que a PSA faria essas mudanças e, com isso, criou-se a possibilidade do Peugeot 208 e o Citröen C3 serem fabricados em solo hermano. Atualmente, eles são produzidos na fábrica de Porto Real, no Rio de Janeiro. Porém, a PSA do Brasil negou a informação na época.

Com todos esses investimentos, a intenção da PSA é transformar Palomar em um site de referência, tanto em termos econômicos como de qualidade, garantindo um desempenho otimizado. A nova plataforma CMP será instalada na planta em 2019, visando uma redução de 50% do consumo de energia e de água por veículo produzido.

O C3 é um dos modelos que poderá ser fabricado na Argentina

Todas essas mudanças fazem parte do plano "Push to Pass" e Carlos Gomes, presidente do grupo no Brasil, comentou o assunto: “Esta transformação se enquadra em nosso plano “Push to Pass” e visa consolidar nosso crescimento rentável na América Latina sobre um modelo econômico pertinente. O Grupo investe e aplica suas competências comprovadas com um objetivo simples: fazer da planta de Palomar uma fábrica do futuro e uma referência mundial”.