Prius em versão requintada

Motorpress
Da Redação, em São Paulo (SP)
15/10/2013 12:19

No monitor central pode-se saber de onde vem a energia que mode o carro

Se eu escrevesse aqui que este é o novo hatch esportivo da Lexus, com mais de 250 cv e preço de R$ 157.000, você certamente não desconfiaria de nada apenas olhando para ele. O CT200h é um híbrido com as mesmas características dinâmicas do Toyota Prius e chega para tentar, de algum modo, interromper a sua fixação por outros modelos premium defendendo a sustentabilidade. E ele consegue fazer isso passando despercebido.

Lexus CT200h F-Sport

Sob o capô, está o mesmo motor a combustão 1.8 VVT, que equipa o híbrido da Toyota, que trabalha em ciclo Atkinson e desenvolve 99 cv. Ele é auxiliado por um propulsor elétrico, que gera 82 cv extras. E, como no Prius, a palavra de ordem aqui é economia, e não desempenho. Para se ter ideia, este Lexus acelera de 0 a 100 km/h em 12s7. Em compensação, o CT200h F-Sport consegue média de 19,1 km/litro de gasolina na cidade e 17,1 km/litro na estrada, auxiliado pelo motor elétrico que entra em ação cada vez que você desacelera, ou acelera de leve em velocidades até 80 km/h.

O acesso aos dados do computador de bordo, do rádio e do GPS é feito por meio de um mouse com botões ao lado do console

Mas, também como o Prius, o preço não é o seu forte. Ele parte de  R$ 149.000 na versão normal e de R$ 157.000 na F-Sport avaliada (um BMW 320i Sport GP custa R$ 154.950). Entre as duas versões, as diferenças estão na cor grafite das rodas 17”, no volante revestido de couro perfurado, na suspensão levemente rebaixada, na pedaleira de alumínio e nos adesivos F-Sport. Mas não se engane: ambos trazem o requinte e o luxo da marca premium.

Ao entrar, você vê belos bancos de couro com ajustes elétricos e uma central multimídia bastante sofisticada. Ali, no console, há uma espécie de mouse, por meio do qual você acessa os ícones do sistema. Nele, você pode se informar sobre o consumo de combustível instantâneo ou até de onde vem a potência, se do motor elétrico ou a combustão, por exemplo.

O motor a combustão é um 1.8 de 99 cv auxiliado por outro elétrico de 82 cv

E se é mais caro que um Prius (que custa R$ 120.830), as suas revisões também devem custar acima de R$ 3.000 até os 30 000 km. Agora fica a questão: você está disposto a pagar sempre mais apenas pelo requinte?

Média: 7,4

Você deve ver este Lexus como um carro de um futuro onde as questões ambientais estarão mais próximas do seu cotidiano. O carro é muito caro, mas isso também se deve à falta de incentivos governamentais, como ocorre em outros países. - João Anacleto

Seu bolso

Preço (carro testado): R$ 157.000
Desvalorização (1 ano): 8,9 % 
Garantia: 1 ano 
Financiamento (taxa mensal): 1,89% 
Parcela (50% de entrada + saldo em 36x): R$ 3.071 
IPVA (4%): R$ 6.280 
Seguro: não disponível 
1ª revisão: não divulgada 
Versão básica: R$ 149.000

Nossas medições


Aceleração 0-100 km/h      12s7
Retomada 60-120 km/h em Drive     13s8
Frenagem 80 a 0 km/h (m)    26,6
Consumo cidade (km/l)    19,1
Consumo estrada (km/l)    17,3
Ruído a 120 km/h em 5ª (dB)    63,8

 

Dados da fabricante

Motor 4 cil., diant., longitudinal, gasolina + elétrico ; Cilindrada 1.798 cm3; Potência 99 cv a 5.200 + 82 cv elétrico; Torque 14,5 mkgf a 4.000 rpm + 21 mkgf elétrico; Câmbio CVT; Tração Dianteira; Comprimento 4,23 m; Largura 1,76 m; Altura 1,44 m; Entre-eixos: 2,60 m; Porta -malas: 375 l; Peso 1 465 kg.

Versões Relacionadas